#53 Viajar como mergulhadora

Se o seu mochilão falasse, o que ele diria sobre VIAJAR COMO MERGULHADORA?

Imagina se a sua profissão fosse passar mais tempo na água do que fora dela. Era exatamente isso que a nossa convidada de hoje fazia (antes da pandemia). Convidamos a Mariela do instagram @marielaviaja pra falar um pouquinho sobre como é viajar sendo instrutora de mergulho pelo mundo.

As pessoas veem as fotos e vídeos no Instagram e já imaginam o quão fácil e perfeito deve ser o lifestyle dos instrutores de mergulho, mas tem muita coisa por trás das câmeras que a gente não vê… E acredite, nem tudo são flores!

A gente vai mostrar um pouco dessa realidade hoje (sem filtros). Vamos falar tanto das coisas incríveis quanto das coisas ruins também.

TÓPICOS

– Da onde surgiu a ideia se ser mergulhadora? O que você fazia antes e como se interessou pelo mergulho?

– Conta pra gente a sua trajetória de mergulhadora (onde você já morou e trabalhou sendo mergulhadora)?

– Como é o lifestyle de uma instrutora de mergulho? Conta pra gente como era a sua rotina diária… Quanta horas por dia você trabalhava e quantos dias de folga você tinha por semana…

– Você conseguia tempo pra de fato aproveitar o lifestyle praieiro ou não tinha muito tempo por conta dos mergulhos?

– Em todos os países que você morou, você se sustentava só com o dinheiro que ganhava das aulas de mergulho?

– É possível viver só do mergulho? Vocês ganham salário ou vivem de comissão? Quanto em média é o salário de um mergulhador? A escola de mergulho oferece algum benefício (moradia ou alimentação)? 

– Quanto tempo demora em média pra se tornar uma mergulhadora profissional? Quais são os requisitos e certificações que uma pessoa precisa ter pra poder ser instrutora de mergulho pelo mundo? 

– E quanto aos valores dos cursos? Você tem uma média de valores pra gente ter noção?

– Como você busca por vagas de mergulho? Tem algum site oficial pra busca de empregos? É fácil conseguir emprego como mergulhadora no exterior? Precisa de visto de trabalho?

– Vale a pena ser mergulhadora no Brasil?

– Algum conselho pra quem quer ser mergulhador também?

Convidada desse episódio:

Mariele do @marieleviaja

Nômade desde 2015, a bióloga e empreendedora já rodou o mundo. Saiu do interior de Minas Gerais e estudou em Londres, foi instrutora de mergulho na Tailândia, e desbravou todos os cantos do Havaí.

Hoje, lidera o projeto Jornada da Coragem, que ajuda pessoas inquietas a ter mais coragem para realizar seus sonhos e aventuras. 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *