#21 Planejamento de Mochilão

Planejando um mochilão

Se o seu mochilão falasse sobre Planejamento de Mochilão, o que ele diria?

O que os influenciadores nao mostram na hora de postar as suas lindas fotinhas de viagem no Instagram é todo o trabalho por trás de se planejar um mochilão.

Muita gente sabe que quer mochilar, tem esse sonho, mas não sabe nem por onde começar na hora de colocar o sonho no papel.

No episódio de hoje, vamos dar um passo-a-passo sobre como planejar um mochilao daora e dar algumas dicas de coisas a se considerar pra fazer um mochilao com o melhor custo/beneficio e que atenda ao seu estilo de viagem.

Se o seu mochilao falasse sobre Planejamento de Mochilao, o que ele diria?

Sejam bem-vindos a mais um episódio do Se Meu Mochilão Falasse, o seu podcast de viagens preferido que vem toda semana trazer conteúdos relacionados a viagens, desde tópicos mais sérios até dicas de viagens e os micos que a gente paga nesse mundo a fora.

Eu sou a Mary, do @vidamochileira, e eu e a minha dupla Andrea Leonel do @andrealeonel_ estamos aqui toda quinta-feira as 7 da manhã.

A gente tem recebido vários feedbacks de vocês no nosso Instagram, @semeumochilãofalasse, gente falando que dorme e acorda ouvindo a gente, que ouve a gente indo pro trabalho.

É sempre muito legal ter esse feedback de vocês, então segue a gente lá e comenta o que vocês acharam do episódio dessa semana e dá umas sugestões de temas pra gente.

Tópicos abordados nesse episódio:

1. Definir a época e duração da sua viagem:

    – Considere a sua rotina: férias no trabalho, compromissos, etc.

    – Considere a época da viagem: fuja da alta temporada, como vai estar o clima no destino.

   – Considere o preço das passagens: qual o dia mais barato de voar

 2. Reflita sobre o estilo de mochilão que você quer fazer: muitos lugares com poucos dias em cada ou menos lugares com menos mudanças de país.

3. Definir quanto dinheiro você pode gastar:

    – Molde a sua viagem ao quanto de dinheiro você tem ou vai poder guardar e não o contrário: muita gente fica juntando pra fazer a viagem perfeita e acaba usando isso de desculpa pra não ir.

     – Faça a viagem caber no seu orçamento: pesquise destinos com uma mente aberta e deixe os lugares te surpreender.

    – Coloque na ponta do lápis os custos previsíveis: voos, acomodação, vistos.

    – Faça uma estimativa dos custos variáveis: pesquise o custo de vida em cada país (varia muito!) e sempre coloque uma margem a mais.

    – Considere a possibilidade de ganhar dinheiro enquanto viaja (se precisar): o seu trabalho pode ser feito remotamente? Voce pode vender alguma coisa?

4. Definir os destinos:

    – O seu orçamento já vai dar uma ideia de o quão longe você pode ir e pra quantos lugares.

  – Fale com pessoas que já visitaram o lugar que voce pretende ir e use forums online (Trip Advisor).

    – Veja se o visto é difícil de conseguir e se precisa de muita antecedência.

    – Reflita sobre suas preferências: calor/frio, praia/natureza/cidade, balada/trilhas, turístico/exótico.

    – Deixe os lugares te surpreender! Considere lugares menos explorados.

    – Brinque com o seu roteiro:

    – Tente diferentes combinações de destinos, datas e durações pra chegar num roteiro que atenda as suas necessidade e tenha o melhor custo/benefício (você pode fazer isso com planilha, papel e caneta, usando apps, etc)

    – Rigidez vs. flexibilidade: diferentes viajantes têm diferentes estilos de organizar um mochilão.

5. Na hora de fazer a reservas:

    – Terminado o planejamento, reserve as coisas que são mais baratas quando compradas com antecedência: voos, acomodação, alguns passeios, transfers do aeroporto.

    – Faça os tramites de visto, se necessário.

    – Guarde toda os documentos da viagem em um local organizado e de fácil acesso.

    – Reserve seu seguro-viagem, chip de telefone, etc.

Leia também: Como planejar uma viagem por conta própria

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *